Portal da USP Portal da USP Portal da USP

O surgimento da navegação entre os povos dos sambaquis: argumentos, hipóteses e evidências

Flávio Rizzi Calippo

Resumo


As evidências arqueológicas encontradas ao longo do litoral brasileiro atestam que essa área era ocupada, desde, pelo menos, 8.000 anos AP, por grupos pescadores coletores que exploravam os ambientes aquáticos costeiros. Embora a comunidade científica acredite que os sambaquieiros fossem exímios navegadores, evidências a esse respeito ainda são raras. Neste artigo, a partir de uma abordagem focada na Arqueologia Marítima, são apresentados argumentos, hipóteses e evidências que discutem o entendimento de que, além de uma forte relação econômica e simbólica com os ambientes aquáticos, os povos dos sambaquis se apropriaram de ou desenvolveram técnicas de navegação e artefatos náuticos.

Palavras-chave


Arqueologia Marítima; Sambaquis; Navegação pré-histórica

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2448-1750.revmae.2011.89960

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.