Portal da USP Portal da USP Portal da USP

Mobilidade em São Paulo: Faces Concretas de um Objeto Imaterial

Marcia Sandoval Gregori

Resumo


Esse artigo tem como objetivo apresentar as representações da mobilidade em São Paulo a partir da história dos modos de deslocamento pela cidade e de suas imagens associadas. Para tanto serve‐se de documentos de época tais como filmes de ficção, músicas, documentários e anúncios publicitários. Pretende‐se apresentar a mobilidade enquanto objeto imaterial, sujeito a diferentes representações concretas e também imagéticas que expressam as relações sociais e produtivas numa metrópole ocupada com o trabalho, a produtividade e a eficiência. A mobilidade assume, dessa maneira, várias formas concretas e transforma‐se em diferentes objetos materiais, a expressar sua enorme importância social. Procura‐se ainda mostrar que a mobilidade, por seu caráter transversal e essencial para a reprodução do sistema hegemônico no espaço metropolitano, está sujeita a esquemas de dominação, segregação e preconceitos existentes na sociedade contemporânea num país  em que a estrutura de classes ainda exibe sua face mais excludente e individualista.


Palavras-chave


Mobilidade; Representação; São Paulo; Objeto imaterial

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2525-8354.v0i1p43-73

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.