Portal da USP Portal da USP Portal da USP

Democracia em África: possibilidades e limites

Cláudio Furtado

Resumo


O artigo procura fazer um sobrevôo rápido sobre o processo de democratização em África, procurando entender as variantes internas à sua concretização, num contexto mundial de valorização da democracia forma e representativa. As vicissitudes por que passa o processo de transição em África é vista tanto nas suas dimensões política como económica, cultura e social. A dinâmica e a dialética das relações endógenas e exógenas ao continente africano, a sua forte dependência económica e financeira explicam a situação actual do continente e desenham perspectiva para o futuro. Os percalços que alguns países têm tido na sua trajectória para a implementação de um sistema democrático denotam a teia de relações: económica, políticas, étnicas e outras que conformam a realidade política africana e condicionam a implementação de políticas públicas e de uma práxis política plural.


Palavras-chave


África; democratização; transição política; dependência económica; política

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2526-303X.v0i20-21p199-217

Métricas do Artigo

Carregando métricas...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.